Defensoria Pública de São Paulo lança ofício mostrando a importância de medidas sociais durante a pandemia

O documento traz um painel da atual situação da pandemia de COVID-19 e também insere previsões para o futuro, assim solicitando o desenvolvimento de políticas públicas transitórias e emergenciais de promoção de direitos de grupos populacionais vulneráveis, que serão impactados de forma mais grave pela epidemia, como as pessoas de rua, que não têm a possibilidade do isolamento social.

Pede também a criação de uma política de acolhimento emergencial às populações hipervulneráveis, em edifícios públicos ou particulares, adaptados para o uso residencial assistido, de acordo com os protocolos de habitabilidade, saúde e assistência social.

LEIA NA ÍNTEGRA